terça-feira, 10 de maio de 2011

MISTÉRIO NO SERTÃO...

PREMONIÇÃO E PROFECIA NO CORDEL
A caveira do ET encontrada em Quixadá
Ufólogo de Quixadá exibe a caveira do suposto ET

Lembram da estranha ossada encontrada na cidade cearense de Quixadá, em novembro de 2005? Ufólogos juravam de pés juntos que se tratava da caveira de um extra-terrestre. É que em Quixadá existe até pista para pouso de discos voadores e não são poucos os relatos de aparições de ET’s por aquelas bandas. Pois bem... O fato ganhou projeção nacional, foi notícia em muitos blogs e jornais e saiu até no programa do Ratinho, no SBT.
O cordelista não perde a oportunidade de escrever sobre um assunto tão curioso. Faz parte de seu ofício. Otávio Menezes, conhecido “poeta-repórter” de Fortaleza, fez um folheto baseado nas matérias que saíram no Diário do Nordeste. Usou, inclusive, a mesma foto do jornal na capa de seu folheto.
Convidei o poeta Pedro Paulo Paulino para escrever um folheto sobre o tema, mas abordando a coisa de maneira ficcional, com fortes doses de gracejo, enfim, uma verdadeira sátira à altura de uma notícia tão bizarra. O resulto foi o melhor possível...

Na famosa Quixadá
Terra da “Galinha Choca”
De Rachel e Aderaldo
De baião e de paçoca
U'a velha desocupada
Encontrou uma ossada
Escondida numa loca.

Era uma ossada estranha
Com gente não parecia,
De bicho também não era,
(Isso a velha garantia)
Era um esqueleto gigante
Com estrutura semelhante
À ossada de uma jia.

A cabeça muito grande
Parecendo imenso ovo,
Os ossos se desmanchando
(Não era um “defunto” novo)
Mal a velha viu aquilo
Foi pulando feito um grilo
Espalhando para o povo:

- Meu povo preste atenção
Que eu tenho novidade!!!
Encontrei uma caveira
Na saída da cidade
Um esqueleto medonho
Tão grande que eu suponho
Ser uma “calamidade”.

- O espinhaço da bicha
Mais parece um “garajau”
As canelas muito curtas
É vê dois tocos de pau
De dente ela tem um mói
E pela caixa dos zói
Parece com um bacurau!

A velha logo juntou
Uma multidão de gente
Todo mundo curioso
Para ver aquele ente
Em cidade populosa
Notícia assim cavilosa
Se espalha rapidamente.

Chegou um veterinário
Tirando onda de mestre
Dizendo assim: - Eu garanto
Não é uma ossada eqüestre
Por seu estranho formato
Posso garantir de fato
Que é de um extra-terrestre.

Quixadá há muito tempo
É motivo de pesquisa
Ufologistas garantem
Que muito ET ali pisa...
E ai de quem duvidar
É perigoso levar
Uma retumbante pisa!

A cidade é conhecida
Aqui no Sertão Central
Segundo os ufologistas
Ali existe um “portal”
De consistência esquisita
É a sala de visita
Para o espaço sideral.

Seres de outro planeta
Por ali já têm pousado
Se socam entre as pessoas
Cada qual bem disfarçado
E alguém jura ter sido
Por um disco abduzido
Sendo tele-transportado.

(...)


Biólogos da Petrobras acabaram com o mistério em poucos dias. Tratava-se, na verdade, do crânio de uma gigantesca tartaruga marinha. Tanto eu, quanto Pedro Paulo, tivemos a mesma desconfiança...

Quem conhece astronomia
Vê isso com parcimônia
Mas quem não sabe de nada
Espalha sem cerimônia
Que os ET's de Quixadá
Vieram pro Ceará
Pra fundar uma colônia.

E foram à delegacia
Solicitar um legista
(Que por sinal também era
Ardoroso ufologista)
Munido de aparelhos
Bisturis, lupas, espelhos,
A fim de dar uma pista.

De acordo com o seu laudo
Que na rádio divulgou
De fato era um ET
Que em Doze aqui chegou
Vindo do Planeta “NINZE”
Morreu na seca do Quinze
Porque o Cedro secou.

A nossa TV Diário
Sempre “na cola” do fato
Enviou logo uma equipe
Ao município pacato
E a notícia da caveira
Saiu no “Paulo Oliveira”
E no DN, o retrato.

Pesquisadores de todos
Os recantos do Planeta
Acorreram à Quixadá
Velozes como um cometa
Devido à temperatura
E o preço da rapadura
Alguns fizeram careta...

Veio gente da Sorbone
Da NASA e do Vaticano
O Papa exigiu um osso
Para tirar o engano
Todo mundo a espera
Pra saber se era u'a fera
Um ET ou ser humano...

(...)

Agora, preparem-se para a parte mais curiosa e interessante dessa história! Sem querer, em novembro de 2005 nós profetizamos a volta do INDIANA JONES. Dissemos no folheto, que o cineasta Steve Spilberg, atraído pela notícia, teria vindo a Quixadá em companhia do ator Henry Ford realizar mais um filme da série INDIANA JONES, fato que só ocorreria em 2008, quase três anos após a divulgação deste folheto.
Premonição? Profecia? Mera coincidência? Quem saberá dizer com precisão? O certo é que todo poeta tem momentos em que a inspiração vem de lugares desconhecidos, das regiões mais ocultas de seu cérebro, sintonizadas talvez com forças externas que muitas vezes passam desapercebidas e até fogem de sua compreensão. Vejam agora as estrofes do folheto que falam da volta da dupla Henry Ford/Steve Spilber que, curiosamente, batizaram seu novo filme de 'Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal':

(...)

Spilberg veio filmar
E voltou muito empolgado
Nas mais famosas revistas
O caso foi comentado
Fizeram até camiseta
Chaveiro, botton, luneta,
Com a foto do achado.

Veio um paleontólogo
Por sinal um Darwinista
Um discípulo de Asimov
E Henry Ford, o artista,
Que fez Indiana Jones
Até o pastor Tim Tones
Um famoso vigarista.

(...)

E agora? O que dizer? Porquê cargas d’água nós tivemos essa bendita idéia três anos antes de Henry Ford realizar seu novo filme? Mistérios. Pura premonição de poeta cordelista.
Acompanhem abaixo, algumas manchetes e trechos de matérias que tomaram conta da mídia:

Ufólogos encontram crânio e dizem ser de ET em cidade onde há pista para Ovni

QUIXADÁ, CEARÁ. - Uma ossada está intrigando os moradores de Quixadá, a 157 km de Fortaleza. Há 15 dias, um estudante encontrou em uma área deserta do município cearense um crânio que não se pareceria com o de nenhum animal da região, e ufólogos da cidade acreditam ser de extraterrestre.  (...)
Em entrevista ao jornal Diário do Nordeste, o ufólogo Robisson Alencar garante que a prova encontrada é "misteriosa".
Postado por Rede Ceará em 17/11/2005

Ceará: Ossada misteriosa atrai mídia e origem continua desconhecida
Quixadá (Sucursal) — A reportagem do Diário do Nordeste sobre um crânio “misterioso”, encontrado em Quixadá, despertou o interesse de emissoras de televisão, jornais e rádios de todo o País. Ufólogos locais defendem que o crânio seria de extraterrestre. Na tarde de ontem, a ossada foi levada à Faculdade Católica Rainha do Sertão (FCRS), onde foi analisada por biólogos, que não souberam precisar a origem do material.
O coordenador do Núcleo de Ciências da FCRS, professor Carlos Tatmatsu, e o especialista em anatomia, Marcelo Figueredo, crêem que a ossada é de algum réptil, lagarto ou tartaruga. Eles se basearam na dimensão do crânio e na formação óssea.
No entanto, os ufólogos ainda defendem que a caveira é de origem extraterrestre. O quixadaense Robisson Alencar, que estuda a aparição de Ovnis na região há mais de 20 anos, explica que a caveira despertou sua atenção e de outros ufólogos, porque, na cidade, ninguém conseguiu definir a qual espécie pertenceria a ossada. Além disso, segundo ele, Quixadá é um dos eixos de constantes aparições de Ovnis.
"Diário do Nordeste", 17-11-2005:

'Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal' é diversão garantida
Fonte: O GLOBO – Matéria publicada em 22/05/2008

RIO - "Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal" traz o famoso arqueólogo de volta às telas após 19 anos. O retorno, mundialmente aguardado, irá fazer a alegria de milhares de fãs da série. Mesclando elementos antigos (como o uso de dublês) com atuais (como o uso da computação gráfica), Spielberg conseguiu fazer um filme equilibrado e, mais importante, digno da franquia. Por mais que algumas pessoas possam reclamar por acharem que o retorno de Indiana Jones poderia ser melhor.
Após quase duas décadas de espera, a expectativa dos fãs jamais poderia ser completamente satisfeita. Afinal, não se pode agradar a todos, a todo o momento e de todas as formas.
(...)
E, para encerrar o assunto com chave de ouro, uma inspirada décima de autoria do grande poeta Oliveira de Panelas:

Da esfera marciana
Descem discos toda hora
Fazem pequena demora
No meio da raça humana...
Talvez queiram ver a grana
Das multinacionais
Que estão passando pra trás
Os nossos trabalhadores
Esses discos voadores
Me preocupam demais.

Por: ARIEVALDO VIANA

Todos os direitos do folheto são reservados aos autores.


2 comentários:

  1. Esse cordel cantou a pedra. Os poetas têm algo de profético. É inconcebível que pesquisadores, principalmente estudantes com seus mestrados, não tenham se interessado por esse trabalho. Nossos pesquisadores de Cordel preferem, desgraçadamente, pesquisar Abraão Baptista. Valeu, poeta Arievaldo, por resgatar esse importante folheto na versão eletrônica e, além disso, bem comentado por você.

    ResponderExcluir
  2. O cordel realmente foi PROFÉTICO e merece uma reedição. Se algum editor estiver interessado, é só entrar em contato com os autores.

    ResponderExcluir