quinta-feira, 5 de abril de 2012

PAIXÃO DE CRISTO EM CORDEL


OS SOFRIMENTOS DE JESUS CRISTO
Autor: José Pacheco da Rocha



Oh! Jesus, meu redentor
Dos altos céus infinitos
Abençoai meus escritos
Por vosso divino amor
Leciona um trovador
Com divina inspiração
Para que vossa paixão
Seja descrita em clamores
Desde o princípio das dores
Até a ressurreição.



Dentro do livro sagrado
São Marcos com perfeição
Nos faz a revelação
De Jesus crucificado;
Foi preso e foi arrastado
Cuspido pelos judeus
Por um apóstolo dos seus
Covardemente vendido
Viu-se amarrado e ferido
Nas cordas dos fariseus.



Dantes predisse o senhor
Meus discípulos me rodeiam
E todos comigo ceiam
Mas um me é traidor,
Sobre a mão do pecador
Meu  corpo ao suplício vai
Porém vos digo que ai
Do homem que, por dinheiro,
Transforma-se em traiçoeiro
Contra o Filho do Deus Pai.



Todos na mesa consigo
Clamavam em alta voz
Senhor, Senhor, qual de nós
Vos trai, dos que estão contigo?
Disse Cristo: - É quem comigo
Justamente molha o pão
E todos me deixarão
Mas São Pedro respondeu:
- Mestre, garanto que eu
Não vos deixarei de mão.



Em verdade deixarás
Nessa noite, sem tardar,
Antes do galo cantar
Três vezes me negarás
Pedro com gestos leais
Disse em voz compadecida
És-me a morte preferida
Mas não serei teu contrário
Ainda que necessário
Me seja perder a vida.



Estava tudo benquisto
Com Pedro dizendo igual
Até na hora fatal
Da prisão de Jesus Cristo,
Então quando se deu isto
Pedro a espada puxou
Num fariseu despejou
Um golpe tão desmedido
Que destampou-lhe o ouvido
Quando a orelha voou...



Ouviu a voz sublimada
De Cristo em reclamação
Dizendo em repreensão
Pedro, guarda a tua espada,
Deixa, não promovas nada,
Porque tudo é permitido
Não sejas enfurecido
Não tentes e nem te alteres
Pois se com o ferro feres
Com ele serás ferido!


(...)






2 comentários:

  1. Sem dúvida, o maior de todos os poetas cordelistas. Não é à toa que até o grande cinema de arte já aproveitou a sua obra. Seus versos impregnam a memória de imediato, de tão puro que é seu linguajar.

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de ter acesso a obra completa Paixao de Cristo em cordel de José Pacheco . Como faço? Aguardo contato. E-mail: aocost@bol.com.br / FAcebook: Andre de Oliveira Costa

    ResponderExcluir