quarta-feira, 5 de junho de 2013

FESTAS JUNINAS


 
Chegou o mês de junho! Mês que o povo Nordestino costuma chamar também de 'fins d'água', período em que os primeiros frutos da safra são colhidos (quando há bom inverno). Época em que se realizam as famosas FESTAS DO MILHO. Luiz Gonzaga, nosso cancioneiro maior, dedicou boa parte de seu repertório à louvação dos três santos festejados nesse período: Santo Antonio, São João e São Pedro. Aliás, as festas juninas continuam sendo o maior suporte do forró tradicional aqui no Nordeste. As quadrilhas andam meio descaracterizadas, as bandas de forró estão fazendo uma música descaracterizada, mas a alegria permanece. Mês de junho é motivo de alegria!
Para os fãs do verdadeiro forró nordestino e da boa música junina, a partir de hoje faremos postagens relacionadas ao cancioneiro de Gonzagão, Marinês, Trio Nordestino, Jackson do Pandeiro, Severino Januário, Zé Gonzaga e outros artistas nordestinos que contribuíram para abrilhantar essa grande festa do povo Nordestino.
 
Jackson do Pandeiro e Almira Castilho trajados a rigor para os festejos de São João.
 

2 comentários:

  1. Conterrâneo ARIEVALDO VIANNA: cumprimento-o pelo belo trabalho acerca da "maior festa do mundo" (que é a Festa Junina Nordestina), e que fica ainda miais histórica com seus versos educativos de cordel. Saudações Candangas! De Profº JEVAN diretamente da Casa do Cantador aqui da CEILÂNDIA: A Capital Nordestina do Planalto Central.

    ResponderExcluir
  2. adoro cordéis,estou fazendo um para a aula de português e estava vendo pra ver se tenho alguma ideia.

    ResponderExcluir